Sala de Imprensa
HOME | BUSCA    

Discursos e entrevistas

11/03/14

Abertura do Lançamento do Novo Corolla 2015

Discurso de Luiz Carlos Andrade Junior, vice-presidente executivo da Toyota do Brasil, na cerimônia de lançamento do Novo Corolla 2015, em Campinas (SP)

Caros amigos jornalistas,

Boa tarde!

Sejam bem-vindos ao lançamento do Novo Corolla 2015!

Gostaria de compartilhar com vocês os nossos resultados de 2013 e dividir as nossas perspectivas para 2014.

No plano global, as economias emergentes, muito Influenciadas por fatores externos, não foram tão bem. Neste cenário, o Brasil obteve um aumento modesto no PIB, de 2,3%. Isso devido a uma política econômica ora restritiva, para conter a inflação, ora tentando estimular o crescimento, gerando incertezas aos investidores que, aliado à expectativa de uma recuperação gradual dos Estados Unidos, favoreceu a saída de divisas do país e uma desvalorização progressiva do Real.

Em relação ao mercado automotivo, este sofreu uma leve retração, a primeira em 10 anos, com 3,77 milhões de carros vendidos, uma queda de 1% em relação a 2012. Mesmo assim, o Brasil permanece na quarta posição dentre os maiores mercados mundiais, com China, Estados Unidos e Japão.

A Toyota em 2013

O segmento de carros compactos registrou uma alta de 12%, devido ao lançamento de novos competidores e aos esforços de vendas dos mais tradicionais que, apesar disso, perderam participação de mercado.

No caso dos sedãs médios, houve uma queda de 10%, refletindo a ausência de grandes lançamentos e a crescente expectativa pela chegada do Novo Corolla, criada a partir de junho, quando houve a apresentação simultânea do modelo nos Estados Unidos e na Europa.

O segmento de picapes médias registrou um crescimento de 12%, com muita concorrência. Mesmo assim, as posições dos competidores desse segmento foram mantidas.

Por outro lado, as vendas dos utilitários esportivos médios fecharam o ano estáveis, em relação a 2012, devido ao novo regime automotivo, que impôs uma limitação por quotas aos modelos importados.

Quanto às nossas vendas, chegamos, no total, a 63.300 unidades do Etios.  Além disso, lançamos a versão aventureira do modelo, em novembro, e, com apenas quatro meses, suas vendas superaram nossas expectativas de 300 unidades por mês.

O Corolla fechou o ciclo de vida de sua 10ª geração de forma brilhante, com 53.900 unidades vendidas e uma participação de 23%. Mesmo no último ano antes do lançamento  do novo modelo, disputamos a liderança com o Honda Civic palmo a palmo e ainda não demos chance aos demais rivais.

Com a Hilux, crescemos cerca de 7%, chegando a 42.700 unidades, melhor marca de todos os tempos. O SW4 deu um salto de 17%, vendendo 12.500 unidades. Também o maior volume já registrado para o modelo.

Nossos modelos importados fecharam o ano com 5.400 unidades vendidas, sendo 90% desse volume composto pelo RAV4.

Assim, em 2013, a Toyota do Brasil bateu um novo recorde, pelo 12º ano consecutivo, com 177.795 carros vendidos e um crescimento de 52%.

Dentro do contexto da Toyota mundial, passamos do 13º para o 9º lugar em termos de vendas. Dessa forma, fomos incluídos, pela primeira vez, no ranking das 10 maiores operações da Toyota.

Ainda em 2013, tivemos abertura de novos concessionários, passando de  139 pontos de vendas para 144 distribuidores em todo o Brasil.

Expectativas 2014

O Etios deve continuar seu processo de consolidação no mercado, com um volume de 63 mil unidades. Enquanto a nossa dupla, Hilux e SW4, deve registrar 42 mil e 12 mil unidades, respectivamente, garantindo a posição de liderança na categoria diesel de seus segmentos.

Os importados, capitaneado pelo RAV4 e com o apoio do Prius e do Camry, têm papel de contribuir para a boa imagem da Toyota, com um volume de 8 mil unidades no total.

O Corolla entrou para o line-up da Toyota do Brasil em 1994, em sua 7ª geração, quando começou a ser importado.

A partir de 1998, com a inauguração da fábrica de Indaiatuba, passamos a produzir a 8ª geração do modelo no Brasil.

A 9ª geração, famosa pela campanha com o ator Brad Pitt, foi lançada em 2002, e introduziu novos parâmetros no segmento de sedãs médios.

Nessa mesma geração, em 2007, introduzimos o motor Flex, desenvolvido exclusivamente para o mercado brasileiro.

A 10ª geração foi lançada em 2008, com um apelo mais jovem e arrojado, proporcionado pelas alterações no design e a nova família de motores e transmissões.

Desde que assumiu a liderança do segmento, em 2003, o Corolla foi número 1 em vendas por oito vezes.

A partir de 2014, o Corolla chega renovado e pronto para estabelecer um patamar ainda mais elevado em seu segmento.

Seja bem-vindo, Campeão!

Topo

Assuntos relacionados

 

Outros discursos e entrevistas


 

30/10/14

Abertura da Toyota no Salão do Automóvel de São Paulo 2014

Discurso de Koji Kondo, presidente da Toyota do Brasil, durante o Salão do Automóvel de São Paulo 2014

11/03/14

Abertura do Lançamento do Novo Corolla 2015

Discurso de Luiz Carlos Andrade Junior, vice-presidente executivo da Toyota do Brasil, na cerimônia de lançamento do Novo Corolla 2015, em Campinas (SP)

21/11/13

Abertura do 43º Salão do Automóvel de Tóquio

Discurso de Mitsuhisa Kato, vice-presidente executivo responsável pelo desenvolvimento da tecnologia Toyota, em Tóquio, Japão

06/05/13

Abertura do Lançamento do Novo RAV4

Discurso de Luiz Carlos Andrade Junior, vice-presidente executivo da Toyota do Brasil, na cerimônia de lançamento do Novo RAV4 em Itatiba (SP)